João 5

João 5 comentado versículo por versículo.

 

Jesus volta para Jerusalém.

João 51 Depois disto havia uma festa entre os judeus, e Jesus subiu a Jerusalém.

Terminamos capítulo 4 com o Mestre na Galiléia. O capítulo 5 inicia com a voltada do Mestre para Jerusalém e, O encontramos no tanque de Betesda.

2 Ora, em Jerusalém há, próximo à porta das ovelhas, um tanque, chamado em hebreu Betesda, o qual tem cinco alpendres.

Entrando em Jerusalém, no lado norte da cidade, perto da porta das ovelhas, se encontrava um tanque chamado tanque de Betesda, que quer dizer tanque da misericórdia.

3 Nestes jazia grande multidão de enfermos, cegos, mancos e ressicados, esperando o movimento da água.

Essa multidão permanecia ali por décadas e décadas esperando por um milagre. Imagina que sacrifício!

4 Porquanto um anjo descia em certo tempo ao tanque, e agitava a água; e o primeiro que ali descia, depois do movimento da água, sarava de qualquer enfermidade que tivesse.

Tempo, aqui várias especulações a respeito de (um anjo descia em certo tempo ao tanque). O tempo aqui quer dizer um Ano? Às vezes a Bíblia afirma um tempo ser um ano, como no caso de Daniel 7:25. Mas aqui não é seguro afirmar isto.

 Jesus cura um doente

5 E estava ali um homem que, havia trinta e oito anos, se achava enfermo.

38 anos! Imagina um homem ficar 38 anos em um local desconfortável esperando por um milagre? Como seria a sua alimentação ali, sua higiene, com resistio o seu estado de saúde? Alguém o acompanhava ali? Que insistência!

6 E Jesus, vendo este deitado, e sabendo que estava neste estado havia muito tempo, disse-lhe: Queres ficar são?

O verso 3 fala que ali jazia grande multidão. Ele não era o Único que estava ali. Mas ali encontramos O Senhor Jesus compadecendo daquele pobre homem. Podemos notar que apesar de uma multidão, O Senhor voltou sua atenção para este.

7 O enfermo respondeu-lhe: Senhor, não tenho homem algum que, quando a água é agitada, me ponha no tanque; mas, enquanto eu vou, desce outro antes de mim.

O modo de homem dizer que não tinha homem algum que o ajudasse; demostra que aquele homem não tinha um acompanhante. Tamanha era a dificuldade de se locomover!

8 Jesus disse-lhe: Levanta-te, toma o teu leito, e anda.

Essa ordem do Mestre, o impactou e ele se levantou, e pegou o seu leito e saio, parasse mesmo até sem agradecer, o mestre pelo milagre. Veja o verso 9.

9 Logo aquele homem ficou são; e tomou o seu leito, e andava. E aquele dia era sábado.

Podemos ver aqui que o destaque daquele milagre não é a cura do doente, foi o dia em que ele foi curado. O dia de Sábado.

Os Judeus interroga o homem

10 Então os judeus disseram àquele que tinha sido curado: É sábado, não te é lícito levar o leito.

 Nota que os legalistas judeus já partiram pra cima do homem. Mas também o homem podia deixar lá aquele leito, pro outro, e evitar problema.

11 Ele respondeu-lhes: Aquele que me curou, ele próprio disse: Toma o teu leito, e anda.

Não sabemos se o homem respondeu assim porque estava emocionado pela cura, ou se ficou com medo e quis se defender.

12 Perguntaram-lhe, pois: Quem é o homem que te disse: Toma o teu leito, e anda?

Mas Jesus se havia retirado, e ele não vi-o mais. Verso 13

13 E o que fora curado não sabiam quem era; porque Jesus se havia retirado, em razão de naquele lugar haver grande multidão.

Ele não sabia até porque o Mestre não usava trajes de destaque que chamava a atenção, e judeus todos são parecidos.

Jesus encontra o homem no templo e lhe faz recomendação

14 Depois Jesus encontrou-o no templo, e disse-lhe: Eis que já estás são; não peques mais, para que não te suceda alguma coisa pior.

(Não peques mais, para que não te suceda alguma coisa pior). O pecado é a causa principal de todas as consequências humanas. Até porque o pecado gera a morte. Ro 6:23; Jo 8:11. Umas enfermidades pode ser consequência do pecado da própria pessoa, e também pode ser causada pela responsabilidade de outa pessoa. Por exemplo, quanta pessoa são vítimas no transito pela imprudência de outras pessoas? E dai por diante.

15 E aquele homem foram, e anunciou aos judeus que Jesus era o que o curara.

Novamente homem entrega O Mestre para os judeus.

Os judeus pretende matar Jesus

16 E por esta causa os judeus perseguiram a Jesus, e procuravam matá-lo, porque fazia estas coisas no sábado.

E a partir dai começa a perseguição pra cima de Jesus. Porque curou o homem e o homem carregou o leito no dia do sábado

17 E Jesus lhes respondeu: Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também.

Todos os dias são dia de trabalhar, pois o trabalho é abençoado uma vez fazendo de uma maneira correta.

18 Por isso, pois, os judeus ainda mais procuravam matá-lo, porque não só quebrantava o sábado, mas também dizia que Deus era seu próprio Pai, fazendo-se igual a Deus.

Sabemo-nos que Jesus é Deus, é Pai, é Príncipe Is 9:6. É O Cristo É O Verbo incarnado, Jo 1:1. 1 João 2:22… Pensar ao contrario é espírito do anticristo.

Jesus confronta com os judeus

19 Mas Jesus respondeu, e disse-lhes: Na verdade, na verdade vos digo que o Filho por si mesmo não pode fazer coisa alguma, se o não vir fazer o Pai; porque tudo quanto ele faz, o Filho o faz igualmente.

O Filho segue exemplo do Pai. ISTO É; O Mestre dando exemplo da lei da natureza.

20 Porque o Pai ama o Filho, e mostra-lhe tudo o que faz; e ele lhe mostrará maiores obras do que estas, para que vos maravilheis.

Infeliz mente quantos pais não pode fazer o mesmo! Escondem-se o seu feito dos filhos, porque não quer que os mesmos sigam seu exemplo. E nem pode seguir.

21 Pois, assim como o Pai ressuscita os mortos, e os vivifica, assim também o Filho vivifica aqueles que quer.

Ele estar revelando ser Deus e ser igual o Pai: (assim também o Filho vivifica aqueles que quer). Veja o verso 28.

22 E também o Pai a ninguém julga, mas deu ao Filho todo o juízo;

Nesta aliança atual que vivemos; chamado de nova aliança: Cristo veio como advogado. Ele não veio para jugar; mais para defender como advogado. Mas dias virão que Ele será juiz. Ap 11-15.

23 Para que todos honrem o Filho, como honram o Pai. Quem não honra o Filho, não honra o Pai que o enviou.

Não dedicar a mesma honra do Pai ao Filho está ofendendo o Pai, pois Ambos são iguais. 

24 Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida.

A Salvação consiste nisto: Crer em Deus e ouvir a palavra de Jesus é claro; ouvir e obedecer a sua palavra. Porque quem não obedece não tem a vida eterna.

25 Em verdade, em verdade vos digo que vem a hora, e agora é, em que os mortos ouvirão a voz do Filho de Deus, e os que a ouvirem viverão.

Aqui Ele pode estar falando dos mortos espirituais, Gn 2:16,17; Porque o pecado gera a morte. Ro 6:23, E pode está falando também de sua autoridade sobre os mortos. Vede Ressurreição de Lázaro Jo 11:1-25.

26 Porque, como o Pai tem a vida em si mesmo, assim deu também ao Filho ter a vida em si mesmo;

A vida do Pai é independente de qualquer intervenção, ela é Eterna! Não teve começo e não terá fim

27 E deu-lhe o poder de exercer o juízo, assim também o Filho vivifica aqueles que quer..

Volta à afirmação; assim também o Filho vivifica aqueles que querem… O Filho é Deus igual ao Pai.

28 Não vos maravilheis disto; porque vem a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz.

Todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. Isto é O dia da ressurreição. A Bíblia fala que vai ter duas ressurreições: A ressureição dos justos 1 Ts 4: 15-17. E a ressureição dos ímpios Ap 20:12,13.

29 E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal para a ressurreição da condenação.

Os que fizeram o bem para a ressurreição da vida; 1 Ts 4: 15-17; e os que fizeram o mal para a ressurreição da condenação. Ap 20:12,13.

30 Eu não posso de mim mesmo fazer coisa alguma. Como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, porque não busco a minha vontade, mas a vontade do Pai que me enviou.

Jesus veio cumprir a ordem do Pai. Jo 3:16. Como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, e o juízo que Ele veio cumprir aqui na terra, foi o de morrer por nossos pecados. Mt cap. 26; Mr14; Lu 23; Jo 18.

31 Se eu testifico de mim mesmo, o meu testemunho não é verdadeiro.

O Salvador desceu a este planeta para falar de Deus e reconciliar o homem com Deus O Senhor veio para falar do Pai e não dÊle mesmo.

32 Há outro que testifica de mim, e sei que o testemunho que ele dá de mim é verdadeiro.

João Batista veio para dar testemunho de Jesus, Ele era o arauto do Senhor. Veja o verso seguinte.

33 Vós mandastes mensageiros a João, e ele deu testemunho da verdade.

Deus enviou João Batista para preparar o povo para a chegada do Messias, e o Messias é a verdade. Então João deu testemunho da verdade.

34 Eu, porém, não recebo testemunho de homem; mas digo isto, para que vos salveis.

O testemunho que João deu do Mestre não é testemunho de homem porque João veio ordenado por Deus.

35 Ele era a candeia que ardia e alumiava, e vós quisestes alegrar-vos por um pouco de tempo com a sua luz.

Naquela época o mundo vivia em uma ferrenha treva espiritual, quando João surgiu pregando o batismo de arrependimento, as multidões vinham a ele para ser batizados, isto é; surgiu uma luz espiritual em densas trevas daquela época.

36 Mas eu tenho maior testemunho do que o de João; porque as obras que o Pai me deu para realizar, as mesmas obras que eu faço, testificam de mim, que o Pai me enviou.

Se João veio para testificar de Jesus, João não era a maior autoridade, a maior autoridade é Jesus de quem João testificava.

37 E o Pai, que me enviou, ele mesmo testificou de mim. Vós nunca ouvistes a sua voz, nem vistes o seu parecer.

E o Pai, que me enviou, ele mesmo testificou de mim. Um testemunho muito claro foi no batismo de Jesus; Mt 3. 16 e 17, E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.

38 E a sua palavra não permanece em vós, porque naquele que ele enviou não credes vós.

(E a sua palavra não permanece em vós), se a palavra de Deus não permanecia neles eles estava seguindo uma religião em vão porque, quem ouve o Pai ouve também o filho. Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai. 1 João 2:23

39 Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;

A falta de examinar as escrituras, muita gente vive no caminho do erro, por que esta indo pela cabeça de outros e pode ser enganados.

40 E não quereis vir a mim para terdes vida.

A vida com Deus só encontra em Jesus, fora dele não há vida espiritual, At 4:12 E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos. Êxodo 20:4, 5. Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.

41 Eu não recebo glória dos homens;

A gloria do Mestre veio diretamente de Deus, não veio de homem algum.

42 Mas bem vos conheço, que não tendes em vós o amor de Deus.

Quem rejeita Jesus não tem o amor de Deus porque quem não aceita o filho não tem também o Pai.

43 Eu vim em nome de meu Pai, e não me aceitais; se outro vier em seu próprio nome, a esse aceitareis.

Se outro vier em seu próprio nome. Aqui o mestre esta falando do governo do anticristo, Será um governo político que surgirá nos fim dos tempos. E o povo vai o receber de bom grado.

 

44 Como podeis vós crer, recebendo honra uns dos outros, e não buscando a honra que vem só de Deus?

Recebendo honra uns dos outros: Segundo a Bíblia, buscar honra uns dos outros é perda de tempo na vida espiritual, seu objetive é agradar o Pai celestial. Ro 2:29. 1Ts2:6. Receber honra de homem pode não receber a honra de Deus.

45 Não cuideis que eu vos hei de acusar para com o Pai. Há um que vos acusa, Moisés, em quem vós esperais.

Aqui o Mestre esta falando dos escritos da lei de Moisés, as leis que regi o povo de israel. Veja os versos 46 e 47.

46 Porque, se vós crêsseis em Moisés, creríeis em mim; porque de mim escreveu ele.

Esta declaração; ´´se vós crêsseis em Moisés, creríeis em mim; “ esta afirmando que Moisés foi o que mais escreveu sobre Jesus. Em Gn 3:15, Jesus é a semente da mulher. Os quatro livros da Lei é uma alegoria sobre Cristo. Leia o capitulo 16 de levíticos, Aqueles sacrifícios todos aponta para o sacrifício da morte de Cristo.

47 Mas, se não credes nos seus escritos, como crereis nas minhas palavras?

Se os judeus não creram nos escritos de Moisés não tinha como crer no ensinos de Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *